link da rádio online
«
»
Logo
Publicado em 13/12/2016 às 01h34min | Autor: SESSÉ GUIMMAS

Fiscalização da ANTT apreende ônibus da Elite Turismo realizando transporte interestadual irregular na BA 290

compartilha nas redes sociais:

Uma equipe de fiscalização da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) apreendeu na tarde da última segunda-feira (12), um ônibus da Elite Turismo, que realizava transporte interestadual irregular. Segundo informações, o ônibus havia saído de Itanhém (BA) e tinha como destino a capital mineira de Belo Horizonte (MG). A tentativa de interceptação aconteceu no trevo de acesso a cidade de Lajedão, na BA 290, nas proximidades de Medeiros Neto.

 

De acordo com os fiscais, o motorista desobedeceu ordem de parada, e na fuga o veículo quase ocasionou um grave acidente por conta de ultrapassagens perigosas. Ainda de acordo com os fiscais, o motorista identificado como sendo, Caio Henrique Tomaz Ferreira Rodrigues, durante a fuga jogou por diversas vezes o ônibus contra as viaturas da ANTT, colocando em risco a vida dos fiscais.

 

Durante a abordagem, foi constatado o veículo não possuía autorização da ANTT (Agência Nacional de Transporte Terrestre) para realizar o transporte interestadual de passageiros. Outras irregularidade também foram notados, o ônibus apresentava para-brisa trincado, e algumas poltronas estavam sem cinto de segurança.

 

Após uma vistoria minuciosa, foi constatado, que o extintor de incêndio do veículo estava vazio e com data de validade vencida. No momento da fiscalização, o veículo realizava o transporte de 11 pessoas. A Polícia Rodoviária Estadual (FRE), apreendeu e notificou ônibus. O veículo foi conduzido para o pátio da PRE e os passageiros foram transbordados para um veículo regular. O motorista foi apresentado na delegacia de Medeiros Neto, ouvido e liberado.

 



Comentários

Para comentar esta notícia é necessário entrar com seu login no FACEBOOK.
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.